SCP-044
Avaliação: 0+x
044.jpg
Imagem capturada durante o experimento intitulado "Fim da Knolte Ford Grable"

Item nº: SCP-044

Classe do Objeto: Seguro

Procedimentos Especiais de Contenção: Um fluxo constante de íons de hidrogênio, átomos de oxigênio sem ligações e outros radicais livres emana do cano de SCP-044. Por este motivo, as instalações de SCP-044 devem ser bem ventiladas para evitar o acúmulo de gases perigosos e umidade. Capas devem ser mantidas na saída de SCP-044 para evitar a entrada de aves e outros pequenos animais em seu cano.

Adendo, ██/██/200█: Uma vez que SCP-044 não foi envolvido em nenhum incidente significativo nos últimos ██ sob custódia da Fundação, SCP-044 foi reclassificado como Seguro.

//Eu realmente preciso definir o que são "incidentes significativos"? Se os procedimentos de contenção e protocolos de segurança forem seguidos, o 44 não é mais perigoso que qualquer outra █████ de canhão. Não, o incidente Urso não conta. -O5-██

Descrição: SCP-044 é um canhão howitzer, secretamente construído no final da Segunda Guerra Mundial pelos engenheiros da família Krupp, supervisionados pessoalmente por Albert Speer, Ministro de Armamentos e Produção de Guerra da Alemanha, sob o governo de Adolf Hitler. SCP-044 é único não só pelo seu tamanho (251.000 kg), mas também por ser capaz de disparar artilharia fora do convencional através de um método atípico. Ao invés de possuir uma culatra para carregar cartuchos, a parte traseira do cano foi configurada para ser uma massiva câmara de compressão de ar. Qualquer objeto ou grupo de objetos que caiba no cano pode ser usado como munição em SCP-044. Por seu tamanho, SCP-044 deve permanecer montado em trilhos, sendo duas locomotivas necessárias para movê-lo.

Pesquisadores acreditam que SCP-044 enfraquece as ligações moleculares e atômicas dos materiais carregados. Contudo, o método com o qual SCP-044 afeta estas ligações não foi descoberto, devido principalmente pela complexidade dos numerosos mecanismos envolvidos nos processos do objeto. Na verdade, alguns destes mecanismos aparentam ser inúteis, incapazes de qualquer resultado além de girarem ou fazerem barulho, mesmo quando SCP-044 não está energizado. Já foram perdidos equipamentos e funcionários na exploração do interior de SCP-044.

Quando SCP-044 dispara, toda a matéria em seu cano é ejetada em alta velocidade como um projétil vermelho e incandescente, com tamanho proporcional à massa inserida no canhão. Ao atingir um objeto sólido, o projétil explode, com produção energética proporcional à massa original da munição e com uma proporção de massa por energia de pelo menos ███%. A produção energética é maior também aumenta conforme o projétil permanece mais tempo no canhão, antes de ser disparado. A maior liberação de energia conhecida foi obtida quando a caminhonete a diesel do "Administrador" foi usada como munição em SCP-044 e disparada no experimento retratado acima.


Artigo Original

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License