SCP-109
Avaliação: 0+x
109.jpg
SCP-109

Item nº: SCP-109

Classe do Objeto: Euclídeo (Ver Adendo 109-1)

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-109 encontra-se localizado na Unidade Não-Crítica de Armazenamento 7 e não requer monitoramento ativo. O objeto não deve ser retirado da unidade, exceto para ser transportado a uma instalação de pesquisa e, neste caso, deve ser portado por funcionários de Nível 3 de segurança ou maior. Ao armazenar SCP-109, funcionários devem garantir que o objeto encontra-se firmemente tampado e posicionado no pedestal apropriado, em posição vertical.

Descrição: SCP-109 é um cantil padrão do exército dos Estados Unidos (de cerca de 1899), feito de liga de estanho, coberto com tecido grosso de algodão e equipado com uma alça de couro preto. Ao ser aberto, o objeto aparenta estar quase cheio de água. Uma quantidade aparentemente ilimitada de água pode ser removida do objeto sem alterar sua massa, mantida em constantes 3,16 kg, ou o nível do líquido. Sondas inseridas no interior do recipiente relatam um volume estimado de 2,8 L e um formato consistente com sua aparência externa.

A água de SCP-109 possui uma coloração levemente azul-acinzentada, com concentrações de 20 ppm de estanho e 170 ppm de outros eletrólitos. A água permanece a uma temperatura constante de 19ºC, mas pode ser aquecida ou resfriada após ser retirada do recipiente.

Adendo 109-1: Após a entrega do item à Área 19, o objeto recebeu a classificação de Seguro. Conforme testes foram realizados, a incerteza em relação aos resultados fez com que o General ████████ ████ elevasse a classificação do objeto para Euclídeo.

Adendo 109-2: Recentemente, um pedido foi feito e concedido ao Dr. ████████ para utilizar a água de SCP-109 para regar um pé de quiabo localizado em seu escritório. Funcionários devem ser avisados que o Dr. ████████ utiliza SCP-109 para este propósito por um breve período às sexta-feiras.

Adendo 109-3: Fui informado que novos funcionários classe D têm sido frequentemente desafiados a esvaziar o cantil. Os guardas devem ser lembrados que estas atividades devem ser desencorajadas, e informar aos funcionários que o objeto não tem fim. Gritar "Bebe!" repetidamente não é considerado profissional." — Dr. Klein

Informações Adicionais: Devido à gama de testes conduzidos com SCP-109, esta seção foi criada para apresentar resultados de experimentos em ordem cronológica. As datas foram omitidas por motivo de confidencialidade.

TESTE 1: Cobaias ingeriram água de SCP-109, relataram ser bastante refrescante e, apesar do conteúdo metálico, bastante saborosa. Exames de urina realizados nos indivíduos forneceram resultados normais.

TESTE 2: Continuação do TESTE 1, cobaias foram desidratadas por 1 dia inteiro antes de ingerirem água de SCP-109. Teste foi inconcluso devido à incapacidade dos indivíduos em fornecer amostras de urina.

TESTE 3: Cobaia se banhou em água de SCP-109. Relatou aumento na disposição e rejuvenescimento da pele após o banho.

TESTE 4: Colônia de bactérias Streptococcus foi cultivada na água e se multiplicou e proliferou rapidamente. A água de SCP-109 foi administrada a uma cobaia infectada por Streptococcus e eliminou praticamente todas as bactérias, permitindo convalescença total dentro de 24 horas.

TESTE 5: Foi criado um substituto para o sangue, utilizando a água de SCP-109. O substituto foi administrado a um pedestre atropelado por um motorista embriagado. Indivíduo não apresentou quaisquer sintomas malignos causados pela transfusão e se recuperou completamente. A fisioterapia do indivíduo terminou com seis meses de adiantamento.

TESTE 6: A água de SCP-109 foi administrada a diversos organismos vegetais, todos os quais permaneceram bastante saudáveis, sem apresentar qualquer sintoma maligno.


Artigo Original

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License